Luan Fernando Wazlawick é um dos vencedores do Concurso em 2016. Hoje, dois anos depois, possui dois projetos em andamento com o projeto vencedor do Concurso. Como ele fez? Que escolhas fez? Você descobre mais sobre a experiência do Luan na entrevista abaixo:

O que aconteceu depois da sua participação no Concurso do Sebrae?
Luan: A participação me abriu novas portas profissionalmente, principalmente para a ingressar em novos projetos. Além destes aspectos, abriu um vasto leque de sugestões, no dia da banca, e conhecimentos para o meu projeto vencedor.

Qual foi a etapa do Concurso que você mais aproveitou? Por quê?
Luan: Acredito que tenha sido no momento da consultoria, onde recebi dicas e sugestões para o projeto que estava desenvolvimento para implantação com um profissional experiente. Outra etapa que foi extremamente importante foi na banca, onde recebi sugestões de melhorias no meu projeto que com certeza vão fazer uma grande diferença.

Conte um pouco sobre a sua ideia de negócio inovador? O que inspirou você a inovar neste caminho/mercado? O que inspirou você a inovar neste caminho ou mercado?
Luan: Tenho visto que a área de geleias tem evoluído pouco, e principalmente existem poucas opções de produtos de qualidade e saudáveis, para um público de classe média. A Dell’Campo, que agora irá se tornar a The Schmier, vem para atender estas necessidades deste público que não tem sido atendido atualmente.

Chegou a apresentar o seu pitch de negócio para algum potencial investidor ou aceleradora?
Luan: Até então somente com a Prefeitura Municipal, onde tem sido conversado com um possível incentivo do município para a abertura desta nova indústria. Mas nada oficial até então.

Você tem planos de viabilizar a ideia de negócio que foi uma das vencedoras do Concurso 2016, ou já viabilizou? Se já viabilizou, conte os detalhes de como foram os primeiros passos.
Luan: Sim, e irá acontecer. Porém, estamos finalizando a padronização de algumas receitas, buscando fornecedores que atendam nossos critérios de qualidade e descobrindo novas combinações para finalizarmos nossos produtos.

O networking, troca de experiências e, principalmente o conhecimento naqueles dias foram um marco para o meu desenvolvimento como profissional e pessoa.

Qual foi a experiência/aprendizado mais marcante da sua viagem ao Vale do Silício?
Luan: A imersão que tivemos naquele ambiente tecnológico foi sensacional. Valeu cada segundo dedicado ao projeto. O networking, troca de experiências e, principalmente o conhecimento naqueles dias foram um marco para o meu desenvolvimento como profissional e pessoa.

Quais seus próximos planos no mundo do empreendedorismo?
Luan: Atualmente possuo dois projetos em andamento com o projeto vencedor do Concurso. Meu planejamento é que em dois anos possa estar comercializando os produtos.

Deixe uma mensagem para os participantes do Concurso de 2018!
Luan: O projeto teve continuidade, como é um equipamento relativamente complexo, o protótipo continua em desenvolvimento. Fomos contemplados com fomento advindo do programa sinapse da inovação ao qual aguardamos os recursos para finalização do MVP e inserção da solução no mercado.

O Luan se deu super bem, viu? E você também pode. Por isso, aproveite o prazo de inscrições até dia 02/06 para garantir o seu espaço na edição deste ano!