O Google não foi o primeiro site de busca da internet. O Facebook não inventou o conceito de redes sociais e o Buscapé não foi o primeiro site a comparar preços de produtos.

Em entrevista ao site da revista Pequenas Empresas Grandes Negócios, especialistas alertam que trabalhar em cima de uma ideia já existente no mercado pode ser mais vantajoso do que criar algo novo.

A ideia inicial de aprimorar uma ideia de negócio que já existe é levar em consideração os erros e os acertos. Agora, confira algumas dicas que lhe ajudarão nesse processo criativo:

 1- É mais fácil aperfeiçoar algo que já existe

Energia e tempo são recursos que podem ser gastos estudando um modelo existente e descobrindo o que funciona ou não ali.

2- Não será preciso educar o público

Quem lança um produto inovador precisa gastar dinheiro com publicidade e marketing, para convencer o mercado de que a novidade vale a pena. Se você é o segundo a apostar no invento, o público já vai estar predisposto a comprar sua ideia.

3- Você pode aprender com os erros – dos outros

Lançar um produto é um tiro no escuro: ele não foi testado, e não há como saber se vai cair nas graças do público. Observando os erros cometidos pelo concorrente, fica mais fácil aperfeiçoar o produto ou serviço oferecido.

4- Suas pesquisas de mercado serão mais eficientes

Como o público já está familiarizado com o produto, será mais fácil testar suas reações às mudanças que você pretende implantar.

 5- Você pode criar um produto ou serviço melhor

O público gosta de encontrar um produto ao qual já está habituado, mas com algumas diferenças que o tornam mais interessante. Essa é a sua chance de lucrar com isso.

6- É mais fácil conseguir investimentos

Os investidores estarão mais propensos a colocar aportes em uma ideia já aprovada pelo mercado.