Você sabe o que é o Design Thinking? Essa ideia surgiu em 2009, criada por Tim Brown, a partir da necessidade de se pensar além do desenho. Esse inovador método repensa o negócio da perspectiva do consumidor final.

O Design Thinking pode ser resumido em 5 tópicos:

Insight – É ter aquela brilhante ideia que vem do nada, e geralmente surge a partir de observações cotidianas dos clientes ou de se colocar em situações em que eles estejam. Essa “vivência” ajuda o design thinker a explorar outro ponto de vista, além do seu.

Mapa Mental – Deve-se considerar a busca de alternativas e explorá-las através de comparações e testes. No mapa mental o maior desafio é pensar com os dois lados do cérebro, e agir ora de forma analítica, ora de forma sintética.

Prototipagem – Protótipos são modelos, que vem antes do produto final para ser aperfeiçoado. O protótipo pode ser algo mal acabado, mas o importante é sua capacidade de aprimorar o projeto original.

Pensamento integrativo – É uma habilidade que algumas pessoas possuem de explorar ideias opostas para utilizar em uma nova solução. Os pensadores integradores precisam saber como ampliar as finalidades das questões relevantes ao problema e resistir ao óbvio.

Pensamento Visual – O designer thinker deve saber representar visualmente a ideia, mesmo que em um esboço em guardanapo de papel, pois muitas pessoas só conseguem entender a partir de algo visível.

Com esse conceito, muitas empresas têm encontrado soluções para questões que vão além do óbvio e que são surpreendentes, a ponto de tornar algo negativo, em positivo. Atualmente existem até escolas que ensinam pessoas a agir como um design thinker, como esta: http://fie.sc/1oRxrSS.

 

Saiba mais sobre o Design Thiking aqui