Não adianta inserir sua empresa em todas as redes sociais e não entender o perfil e o público de cada uma. Nós reunimos algumas dicas para auxiliá-lo melhor.

Facebook

O que é: Permite compartilhamento de mensagens, imagens, vídeos, links e aplicativos.

Quanto publicar: 1 a 3 posts por dia.

Como publicar: Os textos devem ser curtos com linguagem informal e direta. Estimule a interação das pessoas (compartilhe, veja, curta…). Aproveite os recursos do Facebook e inclua ao menos uma imagem na postagem.

Twitter

O que é: Microblog com textos de até 140 caracteres

Quanto publicar: 1 a 3 posts por dia útil, no mínimo.

Como publicar: Mensagens curtas, diretas e informais, para envolver a pessoa no assunto. Convide à interação e faça textos de no máximo 110 caracteres para que usuário comente, compartilhe, sem que se perca a mensagem principal. Aproveite para incluir um link externo para aprofundar o assunto.

Youtube

O que é: Permite que usuários carreguem e compartilhem vídeos digitais.

Quanto publicar: mínimo de 2 vídeos por mês.

Como publicar: Descrições completas com linguagem mais formal. Divida os vídeos em playlists para facilitar a visualização do usuário. Redes sociais paralelas (como o Facebook ou Twitter) podem ser usadas para compartilhar o link do vídeo.

LinkedIn

O que é: Rede social profissional importante para identificar parcerias. O perfil do usuário funciona como um currículo online.

Quanto publicar: duas a quatro vezes por semana

Como publicar: Temática profissional com linguagem mais formal.

Blog

Um veículo de informação com custo zero (se não houver conexão paga). Há a possibilidade de publicar textos longos e cruzar informações com outros redes sociais por meio das réguas de compartilhamento.

Quanto publicar: 2 a 5 posts por semana

Como publicar: Com teor informativo, a linguagem deve ser mais formal, mas não precisa ser técnica, de difícil compreensão.

 

Na tabela abaixo, você confere como os anunciantes utilizam as ferramentas de quatro redes sociais: Facebook, Twitter, Youtube e LinkdIn. É possível perceber que o uso do Facebook é predominante e que ainda é preciso aproveitar os recursos que o Twitter oferece. Uma das explicações possíveis é o fato da rede social de Mark Zuckerberg ser a mais acessada do mundo, com cerca de 1,15 bilhão de usuários. O Twitter está em 9º lugar, com 240 milhões de usuários.

Os dados da tabela são da pesquisa do Socialbakers com mais de 500 profissionais de marketing de 20 empresas em 82 países:

marketing redes sociais

Apesar de cada rede social ter características e usos particulares, é importante que elas sejam integradas. Posts publicados no blog, por exemplo, podem ser divulgados com formatos diferentes e linguagem mais simples no Facebook e Twitter. Vídeos publicados nas redes devem ser hospedados e organizados no Youtube.

Para facilitar o intercâmbio dessas informações, deixe bem visível, os links para o perfil de todas as outras redes.

 

Fonte: Proxxima

Manual de Orientação para Redes Sociais da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República