São tantos termos que é fácil se confundir. A gente dá uma ajudinha e explica o significado de cinco deles. Veja no post:

Benchmarking – uma ferramenta de gestão para medir a performance de um produto, serviços e práticas empresariais. Assim, é possível comparar sua empresa com outras concorrentes.

Mais valia – O termo foi criado pelo economista alemão Karl Marx. O conceito é o valor do quanto o trabalhador produz reduzido do quanto vale a mercadoria produzida. Ainda não entendeu? A gente explica melhor: Um trabalhador ganha um salário de R$ 900 por cerca de 160 horas de trabalho, mas, durante esse tempo, ele consegue produzir um produto com valor muito maior que seu salário. Essa diferença é a mais valia, base de lucro do sistema capitalista, segundo Marx.

Nicho de mercado – Nicho, na ecologia, é o papel que uma espécie exerce dentro do seu habitat, o que ela come, como ela se protege, etc.  O nicho de mercado funciona do mesmo jeito: uma porção específica de consumidores, com necessidades muitas vezes não exploradas.

Capital de risco – Um valor usado para investir em ações de empresas e aguardar até que elas sejam valorizadas para sair da operação. O nome “risco” é usado por ser uma aposta do investidor no crescimento de uma empresa, normalmente em fase de mudança ou no início. É assim que muitas empresas nacionais puderam se expandir e conquistar mais mercado.

Pitch – É uma apresentação rápida para um investidor ou cliente sobre seu negócio. Em no máximo cinco minutos, é preciso resumir bem e colocar apenas informações essenciais, mas é preciso também chamar a atenção com os pontos diferenciais da empresa. Informações sobre o mercado, soluções, objetivos devem estar entre os tópicos.